segunda-feira, 26 de janeiro de 2009

Perfume Review: 212 Sexy (for women/feminino), Carolina Herrera


212 Sexy feminino é uma das fragrâncias do legado perfumístico da fashionista de Nova York Carolina Herrera, uma das maisons mais respeitadas pelo público feminino que preza pela elegância um pouco mais clássica de poderosas e emancipadas mulheres, mas também com nuances modernas de curvas e tecidos leves de influência "bridal" que relembra corpos em organzas, recortes fluídos com babados e longílineos os quais valorizam o corpo moldado de uma diva real , cosmpolita e moderna.


A fragrância floral oriental foi lançada em 2005, uma criação do querido Alberto Morillas, um dos perfumistas mais versáteis na criação de perfumes para as grandes grifes luxuosas. Seus perfumes têm um apelo sensual e, em sua maioria, são bem vendidos e acabam caindo no gosto tanto de homens como de mulheres.
No caso de 212 Sexy feminino, o mix de bergamota, pimenta rosa, mandarina, gardenia, algodão doce, almíscar, almíscar branco,baunilha e madeira de sândalo, existe um apelo muito peculiar para se conseguir em uma fragrância, sem infantilizá-la que é: equilibrar a sensualidade e a doçura , ou seja, o lado mulher e menina, a qual considero a fronteira tênue que faz uma mulher ser realmente marcante. Uma fronteira rara que um perfume pode desvendar ou ressaltar.





Embora os perfumes de Carolina Herrera tendem a ser mais sérios e clássicos, boas opções para mulheres que preferem perfumes mais florais que florais orientais com significativas nuances de frutas ou baunilha, 212 Sexy é, entre as fragrâncias da linha, o mais girlie. A entrada de notas abrem uma sensualidade bem vermelha, propriamente red que remete de imediato a frutas vermelhas, como morder carnudas frutas para atrair o desejo de olhos apetitosos. Esta sensação escarlate que é como lembrar uma cena entre um homem e uma mulher que são seduzidos por este ambiente apimentado ocorre porque a nota de pimenta rosa é incrivelmente deliciosa e é coberta por uma base sedosa e suave que a segura, exatamente a nota de coração de algodão doce.


A maturidade do desenvolvimento do perfume é a base sinuosa do almíscar que, neste caso, dissolve o aroma do algodão doce e cria ondas aromáticas mais envolventes entre a pimenta rosa, as flores e a base oriental. O perfume continua doce, mas não é pueril. Em comparação ao algodão doce de Egeo Dolce Woman(O Boticário), 212 Sexy é mais maduro exatamente por não colocar foco na baunilha.
Insanamente, este aroma faz uma trilha de sedução sapeca, a mulher deixa a incógnita se prevalece nela a mulher ou a menina, praticamente 212 Sexy reforça ser um perfume para lolitas maduras, exalando a tensão que é unir os dois extremos deste prazer.


212 Sexy me agrada exatamente por esta polaridade, além de levar a nota de pimenta rosa a qual não posso resistir. Há também um cheiro confortável, muito macio de algodão doce que não é exageradamente doce e enjoativo. O nome da fragrância é bastante sugestivo porque une as duas personalidades em um só aroma sensual. Além disso, o aroma em si resgata o magnetismo que é a dubiedade de cada mulher, algo que está fora mas que está muito dentro dela. Como o olhar que não revela mas que contém o tentador mistério da provocação; o carinho que carece de mais intimidade, mas que requer maturidade na relação; o desejo que urge o próprio prazer, mas também o prazer do outro. Sempre o sexy dois em um.






Visite a resenha de Very Irresistible(feminino) no novo Perfume blog (em Espanhol somente),
El Perfume al aire.







(English version)



212 Sexy for women is one of the fragrances of the perfume heritage by the lady of New York Carolina Herrera,
one of the most respected maisons according to the female public who value the elegance that is a little more classic and worn by powerful and very emancipated women, but also who enjoy the fashion of modern curves and light fabrics, influenced by the "bridal" style that reminds us of bodies involved by organzas, fluid and long cut cloth with plications which value the molded body of a real, cosmopolitan and modern diva.

The floral oriental fragrance was released in 2005, a creation of the dear Alberto Morillas, one of the most versatile perfumers in designing fragrances for big luxurious brands. His perfumes have a sensual appeal and, most of them, are very well sold and fit to the taste of women and men. In the case of
212 Sexy for women, the mix of bergamot, pink pepper, mandarin, gardenia, cotton candy, musk, white musk, vanilla and sandalwood, there is a very peculiar appeal to include in a fragrance without becoming it very infatile: to balance the sensuality and the tenderness, that is ,the woman and the girl sides what I think it is the tenuous boundary that really makes a woman remarkable. The rare boundary that a perfume can reveal or emphasize.


Even though the fragrances of Carolina Herrera tend to be more serious and classic, good options for women that prefer more florals than florals oriental fragrances with fruity or vanilla approaches, 212 Sexy is, among the fragrances of CH range, the girlier. The top notes open a sensuality very red that immediatly remind me of red fruits, as biting pulpy fruits which attract the desire of covetuous eyes. This scarlat sensation is like to remember the scene between a man and a woman who are seduced by this spicy environment , this happens because of the pink pepper note that is incredibly delicious and is covered by a base which sustains it , very silky and sweet, exaclty the cotton candy heady note.


The maturity of this perfume development is marked in the musky sinuous base which, in this situation, dissolves the aroma of the cotton candy and creates aromatic waves more envolving among the pink pepper, the flowers and the oriental base. The perfume continues sweet, but it is not puerile. In comparison to the cotton candy of Egeo Dolce Woman(O Boticário), 212 Sexy is more mature, exactly because is not focused on the vanilla. Insanely, the aroma let a trace of a coquette seduction, the woman makes the mystery if prevails in her the woman or the girl, practically 212 Sexy reinforces to be a fragrance for mature lolitas, exhaling the tension that is to join the extremes of this pleasure.



212 Sexy pleases me because of this polarity also featuring the note of pink pepper that I cannot resist, there is also a comfort scent, very soft of cotton candy which is not disagreeably sweet in the fragrance. The name of the perfume is well suggestive because the match of two personalities in just one aroma. Add to that the aroma by itself evokes the magnetism that is the dubiousness of each woman, something which is out but also inside of her. It is like the glance tha does not reveal, but has the mystery of the temptation; the affection that needs more intimacy, but still requires more maturity in the relationship; the desire that urges the her pleasure, but also the man's pleasure. Always the sexy two in one.


Visit the review of Very Irresistible(feminino) in the new Perfume Blog (in Spanish only),
El Perfume al aire.






Photos: CH Advertisement

Nenhum comentário: