quinta-feira, 12 de julho de 2007

Perfume Review: Flower by Kenzo oriental... flutuante


Flutuante, eis um bom título para acompanhar o perfume Flower Oriental by Kenzo. É um perfume que não conseguiu manter uma "personalidade estável" na minha pele, ou seja, foram três momentos de notas aromáticas muito extremos os quais não deram ao perfume uma característica mais singular como o que vemos no Flower Kenzo tradicional, com aquele floral atalcado que vai do começo ao fim.
Em um primeiro momento, as quase mesmas notas de flores do Kenzo tradicional aparecem transitando como que em uma fronteira com um aroma bem sintético de madeira, incensado. Cinco minutos e o que sinto é um vai não vai do amadeirado, querendo fazer efeito e se estabilizar. Até uma hora de uma borrifada ou toque leve, a madeira "spicy" é bem forte para um perfume feminino como Kenzo, o que nem se imagina se tratar de uma versão oriental, descaracterizando a linha flower.
O interessante é que depois de umas três horas, o perfume fica mais abaunilhado e perde totalmente o viés amadeirado começo e meio do perfume. Verificando a composição , de fato ela se estabiliza, a leve baunilha com a quase que desaparecida pimenta.
Muito flutuante na minha opinião, perdendo o amadeirado incensado que é tão forte no início de forma definitiva. Prefiro o Flower by kenzo por conseguir manter mais equilíbrio e algo mais "unique" ao perfume.


2 comentários:

Bijukitty´s design assinado disse...

olá, gostei do blog, não sou uma apaixonada por perfumes sui generis, mas o flower by kenzo é meu predileto. achei bastante interessante sua análise da evolução do flower oriental.

Rosa Negra disse...

Olá.
Obrigada pela visita e fico feliz que, embora não seja uma perfumólatra sui generis, goste deste Kenzo. Espero que possa me visitar mais vezes e, claro, torne-se uma amante de perfumes sui generis rsrs.
Abraço,