sábado, 8 de novembro de 2008

Publicidade de Perfumes/Perfume Advertisement Review: Tom Ford for Men (2007)

Post adequado para maiores de 18 anos
Post suitable for people above 18 years


Assustados com a primeira imagem publicitária de Tom Ford for men? Relaxem, caros leitores. Não desejo chocar os mais puritanos, mesmo porque também tenho minha boa dose de puritanismo! Mas este blog é totalmente democrático e, como boa fã das fragrâncias Tom Ford, entrarei no ritmo fordiano, colocando-lhes minha opinião sobre este anúncio e, claro, o que penso sobre Tom Ford.

Este é, simplesmente, o jeito Tom Ford de ser. Polêmico, vibrante, rebelde, enfim Tom Ford não está nem aí para o que pensam dele e de seus anúncios. Com o lançamento de sua primeira fragrância masculina não seria diferente. Ele veio com tudo para chamar a atenção do público e conseguiu, uns que o amam, outros que o odeiam, mas isso também não faz muita diferença para Tom Ford. Ele é e sempre será um ícone da moda, do puro luxo, mesmo que digam em coro alto que a publicidade foi vulgar. Bem, eu achei ótima em conceito.

Tom Ford sempre foi um ser livre para criar e ser, atualmente, um dos empreendedores de beleza, moda e, principalmente, fragrâncias que mais crescem. Seu negócio está tão bem sucedido que, há poucos meses atrás, já trouxe a marca Tom Ford para o templo do Luxo, a Daslu de São Paulo ( e espero que os perfumes cheguem logo), fora o crescimento longitudinal em todo o mundo. Normalmente as mesmas pessoas que falam mal são as que adorariam ter uma fragrância de Tom Ford entre seus perfumes ou, pelo menos experimentá-las e, mesmo que falem mal, Tom Ford vende e muito. Tom Ford for men não teve o estouro de sucesso de Black Orchid, mas sem dúvidas, o anúncio estourou uma polêmica exagerada: Tom Ford é mesmo um insano, colocando no ar uma publicidade no qual uma mulher, adepta da depilação "zero pêlo", a famosa "Brazilian wax" para os gringos, coloca entre suas pernas um frasco de Tom Ford for men? Conheça Tom Ford, antes de criticar e, talvez, entenderá o que ele pensa.

Há um tempo atrás, em uma das discussões polêmicas sobre o anúncio Tom Ford for men em uma das comunidades virtuais brasileiras sobre perfumes, as opiniões se dividiram, como sempre, mas tentei ser, mesmo que a favor de Tom Ford, imparcial tentando entender os fundamentos de seu próprio trabalho, desde às épocas de Yves Saint Laurent, com o lançamento de M7 e um homem totalmente nu, mostrando o seu sexo e também a época da moda de Gucci, com muitas transparências e seios de fora. Replicarei neste post, com alguns adendos, exatamente o que penso sobre o universo Tom Ford e esta propaganda e, espero que possam compreender que, com corpos nus ou sem corpos nus, com puritanismo ou sem puritanismo, Tom Ford tem uma identidade própria, uma força de negócio fora do comum e uma visão de moda e beleza que o levará a altos graus de sucesso.



Na publicidade de Tom Ford for men, não me surpreendi com o nu e os pensamentos que este poderia provocar, porque, em Tom Ford, sempre foi recorrente sua idéia de transgressão baseada no nu, quando em frente as publicidades em maisons com as quais ele trabalhou. Este nu sempre foi explícito e não necessariamente de bom gosto, no sentido de obra de arte classicista, para haver uma indignação agora. Tom Ford nunca quis recriar Davis de Michelângelo, sua extravâgancia sempre foi libertina, chocar com o mais óbvio das apelações é luxo porque por trás da fina estampa de um mundinho de moda, elitizado com Armanis e Chanels existe o mais primitivo do homem e toda sorte de putaria. Esta dualidade de Tom Ford é interessante porque , sendo extremamente elegante, ele desvenda que por trás de ternos, existe a carne. Se olharmos sua publicidade sob esta ótica, daremos o clap clap para sua ousadia. Sendo assim, uma mulher e um homem podem vestir Ford, sinônimo de elegância e, serem, instintivos e animais por trás da fina estampa.

Até alguns anos atrás, a nudez foi muito mais evidente em passarelas e publicidade de moda e não de perfumes, no entanto um pênis de fora com pêlos pubianos era a propaganda de M7 , a diferença é que a propaganda tinha uma fotografia mais elaborada, com jogos de luzes mais ocultos que não a deixavam uma imagem mais pornográfica como suas últimas experiências. O nu em Tom Ford tem uma metáfora muito mais sexual que sensual, o sexual como liberdade dos desejos mais primitivos, que no caso da moda, é extravasar a atitude do vestir-se sem preocupar-se com o que o outro pensa. Por isso que Tom Ford é amado pelo público gay, porque ele vai contra todo o puritanismo que ninguém deveria ter, pois somos seremos sexuais, obscenos por natureza.







É bem interessante ver que as "entrelinhas da mensagem publicitária de Mr. Ford" é o que faz suas propagandas não serem, necessariamente, apelativas. Elas atingem a intenção e, um exemplo, é exatamente Tom Ford for men, mesmo que o perfume não tenha sido o espetáculo que foram outros da sua marca. Neste caso, o que está na entrelinha é o que interessa no lançamento do primeiro perfume masculino de Tom Ford: o desejo. Tom Ford for men não mostra o rosto da modelo, mostra o seu desejo através de suas mãos. Uma mão toca o peito, o desejo é latente. A outra sugere que se está tocando o pênis, o desejo é eminente. O desejo de aproximar ao máximo o perfume da sua zona de prazer feminina, desejo em vias de realização e gozo. Exatamente o mesmo desejo que uma mulher pode ter ao cheirar um perfume irresistível. Se o perfume for devastador, ela fará tudo isso...

Se olharmos o superficial da campanha, sim teremos sempre uma idéia superficial. Respeito todas as opiniões, mas olho Tom Ford nas entrelinhas para poder compreende-lo e , claro, amá-lo. No entanto, cada um tem um subjetivismo dentro de si e um conjunto de valores, tentar entender o subjetivismo do outro é um tipo de dádiva e respeito, assim como quebrar alguns paradigmas guiados por uma visão fechada de elementos ligados ao sexual . Eu, particulamente, tive uma educação muito tradicional, na qual tudo para mim foi tardio, mesmo assim desperto minha mente para olhar além, principalmente conceitos que se mesclam a um tipo de arte como o cinema, a perfumaria, a literatura e alguns tabus.

Como digo, caros leitores, interpretem como quiserem e, exercitem as interpretações no mundo da perfumaria e da beleza, pois é um mundo fascinante, mas saibam que dentro do subjetivismo de cada um sempre há uma intenção da publicidade que é coletivizada porque isso sim é a visão de qualquer bom Tom Ford que existe na vida. O que expus não é somente a visão da Cris Rosa Negra, mas é uma visão coletiva que tenho certeza que Tom Ford intenciona atingir, sempre! E, não se prendam a tantos "perus e aranhas de fora", a nudez em Tom Ford não é gratuita, não tem conteúdo zero. Ela é algo muito mais inteligente e brilhante, é algo que somente Tom Ford poderia pensá-la.


(English version)

Are you scared of the Tom Ford for men ad? Relax, dear readers! I don't wish to shock neither the most puritanists nor you because I have my own dose of puritanism! But this blog is free and, as a good fan of Tom Ford fragrances, I am following his style Ford(ian) and, of course, I gonna tell you what I think about him and this ad.

This sytle is the Tom Ford way of being: controversail, vibrating, rebel, so Tom Ford is not concern what people think about him and his products's ads . He just does what he wants and believes. This would not be different related to his first male fragrance. He dedicated to call for audience's attention, some loved him, other hated him, but this does not make any difference, at the end. Tom Ford is a fashion and pure luxury icon, even if people tell that some advertisement was vulgar . Well, I think this ad was perfect in concept.

Tom Ford alwas is a free man, free to create, to idealize his creations. At this moment, he is one of the main entrepreneurs in the beauty and fashion industry and, mainly, his fragrances range has been growing. His business is so successful that, in few months ago, he brought to Brazil his brand Tom Ford for the Luxury temple Daslu in São Paulo ( and I hope that fragrances be hear soon), moreover his business has a longitudinal growing all over the world. Normally the same people that speak bad about him would love to have or sample one of his fragrances and even they speak bad, Tom Ford sells (and sells very much). Tom Ford for men did not have the same sucess as Black Orchid, but there is no doubts that this ad caused an exaggerated controversy: Is Tom Ford an insane, advertising a campaign in which a woman, follower of the Brazilian Wax puts between her legs a bottle of Tom Ford for men? Know Tom Ford before critizing him and, perhaps, you will understand what he thinks.

Some time ago, in one of the controversial discussions about Tom Ford for men ad in one of the Perfumes Brazilian communities, some opinions were shared, as always, but I tried to be impartial , even I am for Tom Ford ideas, trying to understand his work fundamentals, since the ages of Yves Saint Laurent, with releases as M7 and a man, totally naked, showing his sex , besides the Gucci Fashion with many transparencies and breasts . Now, I am including here in this post my opinion and some attached informations, becoming it avalaible for others readers, exaclty what I think about Tom Ford universe and this Ad and I look forward you understand that, with naked bodies or not, with puritanism or not, Tom Ford has his own identity, an uncommon force to the business and a fashion and beauty visions that will guide him to high levels of success.

In this Tom Ford for men ad, I did not get surprised neither to the naked reference nor the thoughts which would be provoked on me because, in Tom Ford, we always find a recurring idea of transgression based on the naked, mainly when he was ahead others maisons he worked for. This nude always has been explicit and, not necessarialy, of good-taste under the meaning of classicism art, so why were (and still are) people offended to? No reason! Tom Ford never wanted to re-create Davis of Michaelangelo, his extravagancy always has been libertine, to shock using the obvious appeals is the luxury behind the fine image of the fashion "small" world. Behind the "creamy of society" with its Armanis and Chanels there is a primitive human being and all kinds of obscene behaviours. This duality in Tom Ford is interesting because, being extremely elegant, he reveals what we have under the suits and tailleurs, there is flesh. If you look the advertisement under this angle, we will clap our hands to Mister Ford and his audacity. Then, a woman and a man may wear Tom Ford , elegance synonim and, be, instinctive and wild under their fine clothings.

Until some years ago, the naked was very evident on fashion catwalks and publicities, not in perfumes ads, nevertheless a penis with some pubic hairs, a completely stark naked was the advertisment of M7, the difference is that YSL fragrance ad had a more ellaborated photograph, with some occult lights game which let the image less "shocking" than his last experiences. The naked in Tom Ford ad has a metaphor more sexual than sensual, the sexual as the freedom of the most primitive desires, in the case of the fashion, the freedom of going beyond limits of society's speech and behaviours, showing an attitude of wearing a clothing or a fragrance and don't take on so much what people will talk or not about. Because of that, for example, Tom Ford is loved by the gay audience, because he is against all the puritanism that anyone should not have, because we are sexual and obscene in our own human nature.


It is interesting to realize the "implied meaning" of the advertisement message of Mr. Ford. This implied sense that makes the ads not to be appellative. They reach an intention and, one example is Tom Ford for men . In this case, the "implied meaning" is the key for understanding the provokative fragrance. Tom Ford for men does not show the model face, shows her desire through her hands. One hand touches her breats, the desire is latent. The other hand suggests that she is touching a penis, the desire is eminent. The desire to let the fragrance closer to the pleasure female zone , desire in the course of consummation and delight. It may be the exact desire of a woman when she smells an irresistible perfume. If the perfume is able to devast her pulsations, she will do what the model did and much more...

If we look the campaign superficially, yes, we will have a superficial idea about. I respect all the opinions but I look at Tom Ford in the "implied meanings" in order to understand him and, of course, love him. Still, each one has one subjectivism and a set of values,trying to understand the other's subjectivism is a type of gift and respect, as well as breaking some paradigms which are guided by a closed vision of some sexual elements. I, particularly, had a very traditional education that brought me some late discoveries, however now I awake my mind to look beyond, mainly some concepts that mix some Art type such as cinema, perfumery and literature with some tabus.


As I said to you, dear readers, think about your own interpretations following you in first place and exercise some interpretations related to the perfumery and beauty world because it is a fascinating world, but know that in each subjectivism there is always an intention of advertisement which is collective, that is the vision of any good Tom Ford should have in this life. What I exposed to you is not only Cris Rosa Negra's opinion but a collective vision which is my idea about Tom Ford's intentions, always! and do not stress out with penis and vaginas in advertisements, the naked in Tom Ford is not banal, does not have empty content. The nude here is much more intelligent and brilliant , is something that only Tom Ford would think about.


Photos: Tom Ford for men Campaign pictures. Property of Tom Ford Beauty.

Um comentário:

Italo Wolff disse...

O que falar de Tom?
é tão dificil lidar com mentes indomaveis, criatividades borbulhantes, como hj ele não é compreendido e taxado de vulgar por muitos "PURITANOS", nudez é cultural, nudez é ancestral, como já foi aborado no primeiro comentario de Bettycmc, grandes mestres são sempre incompreendidos, chamados de insanos!
A nudez de Tom não é vulgar por ser vulgar, trata-se de um manifesto aos falsos valores que a sociedade custuma dizer que possuem, sabemos muito bem que é nas alcovas que se escondem as piores sujeiras de nosso tempo, é atras de grandes catedrais que os escandalos de toda a sorte correm devastadoramente, e por qual motivo iriamos recriminar um estilista tão fabuloso pelo simples fato de mostrar partes da nossa maquina humana sem tecidos para cobrir nossas "vergonhas"?
Viva a discordia Tonfordiana!